Devido à passagem de uma ondulação do fluxo em altitude, preenchida por uma massa de ar polar no seu seio, esperamos um aumento da instabilidade durante as primeiras horas desta 4ª feira.

A instabilidade será mais marcada no Litoral Norte e Centro, onde haverá um fluxo de ar marítimo à superfície, com aporte de humidade que será suficiente para alimentar alguns aguaceiros mais fortes e mesmo trovoadas.

Os núcleos mais intensos poderão vir acompanhados de granizo de pequenas dimensões.

Os distritos de Leiria, Aveiro, Porto, Braga e Viana do Castelo são as áreas onde a probabilidade de atividade eléctrica atmosférica são maiores.