Após uma semana mais fresca, nublada e com chuva no norte e centro, o fim de semana vai ser marcado por uma mudança brusca das condições meteorológicas.

O anticiclone vai cimentar a sua presença sobre a Península, posicionando-se de modo a que uma massa de ar Africana inicie um processo de migração para norte sobre o território de Portugal Continental.

Assim, esperamos um aumento significativo da temperatura, com possibilidade de se atingirem os recordes históricos para Maio.

Esperamos um aumento da concentração de poeira atmosféricas e de pólenes, que irão deteriorar a qualidade do ar.

Teremos também um aumento substancial do risco de Incêndio.

Não descartamos que o calor intenso possa originar algumas trovoadas.