O consumo de maconha aumentou na última década

Há apenas dois anos, 40% dos adultos disseram ter experimentado maconha. Em 2003 e 2001, 38% disseram ter usado maconha. Na última pesquisa do Pew Research Center, realizada em março, o número daqueles que disseram ter experimentado maconha subiu para 48%, o maior percentual de todos os tempos.


A pesquisa descobriu que a maioria dos americanos é a favor da legalização do uso da maconha pela primeira vez em mais de quatro décadas de pesquisas.

Dos 48% que já o usaram, cerca de um quarto deles - 12% do público em geral dizem que o fizeram no ano passado. Os outros 36% afirmam ter experimentado maconha, mas não no ano passado.

As pessoas que dizem ter usado maconha no ano passado o fizeram por motivos médicos e 'apenas por diversão'. Cerca de metade (53%) desses usuários recentes dizem que um problema médico foi parte do motivo de seu uso, incluindo 23% que voluntariamente usaram maconha para fins medicinais e recreativos. Os 47% restantes dizem que usaram maconha apenas para se divertir.

(Veja também uma apresentação de slides com as principais descobertas de nossa última pesquisa sobre a opinião pública sobre a maconha e um cronograma de acompanhamento das tendências sobre se ela deve ser legalizada)


Mais da metade dos jovens (56%) dizem que já experimentaram maconha e 27% dizem que já experimentaram no ano passado - de longe a maior porcentagem em qualquer faixa etária.



Cerca de metade dos 30-49 (51%) e 50-64 (54%) já experimentou maconha, embora apenas cerca de um em cada dez o tenha feito no ano passado. Apenas 22% dos adultos com 65 anos ou mais já usaram maconha, incluindo 2% que afirmam ter usado no ano passado.


Os homens são mais propensos a dizer que experimentaram maconha do que as mulheres, 54% contra 42%. Metade dos brancos e negros (50%) afirmam já ter experimentado maconha, em comparação com 34% dos hispânicos.

Democratas e republicanos têm a mesma probabilidade de dizer que experimentaram a droga ao longo da vida, 47% contra 43%; os independentes são um pouco mais propensos a tê-lo usado (53%). Consulte Mais informação


Compartilhe este link:Bruce Drakeé editor sênior do Pew Research Center.PUBLICA BIO EMAIL