Estes últimos dias foram repletos de episódios de precipitação, especialmente de aguaceiros em alguns dos dias, com acumulações relativamente rápidas.

O Noroeste de Portugal Continental voltou a ser a região com maior incidência neste episódio de precipitação que durou entre os dias 3 e 10 de Abril.

Há vários locais com acumulações superiores a 100 mm nestes últimos dias, sendo o mais evidente o de Lamas de Mouro, com cerca de 180 mm acumulados.

O índice PDSI, que monitoriza o nível de seca, atravessa um momento menos próspero, com 100 % do território continental português a registar uma situação de seca, dos quais 45,1 % correspondem a seca moderada e 37,6 % a seca severa, segundo o IPMA.

Com a acumulação de precipitação dos últimos dias, estima-se que localmente algumas das regiões do Continente, nomeadamente a Noroeste, vejam o índice PDSI numa posição mais favorável, uma vez que a precipitação que caiu corresponde, em alguns casos, à totalidade do valor normal do mês completo de Abril para as normais climatológicas.

Esta situação foi de resto prevista e com muito tempo de antecedência.
http://bestweather.pt/chuva-trovoadas-em-abril/

http://bestweather.pt/um-mes-de-chuva-em-10-dias/

Continuaremos a seguir a evolução do índice PDSI à medida que nos aproximamos de meses cada vez mais típicos de estio e temperaturas mais elevadas, que conduzem a maiores perdas de água nos solos, por evaporação.