Como temos vindo a referir o tempo vai continuar predominantemente seco até ao final do mês.

No fim de semana teremos alguma nebulosidade, e outra frente fria em dissipação deixará chuva fraca em especial no norte  e centro durante o dia de Domingo.

Posteriormente, a próxima semana será caracterizada por uma corrente de leste, com gradual subida da temperatura, e influência conjunta do Anticiclone dos Açores e de uma área de tempo perturbado que se localizará entre o Mediterrâneo, norte de África e golfo de Cadiz.

Com este contexto sinóptico, a próxima semana terá alguma nebulosidade no centro e sul, mas com poucas probabilidades de precipitação, e mesmo que ocorra, será de carácter disperso.

Há sim possibilidade de uma nova intrusão de poeiras Africanas, o que conjugado com a época de polinização e com o fluxo de ar continental significará uma descida dos índices de qualidade do ar e alguns problemas para os grupos mais sensíveis.